Treinamentos Empresariais
para desenvolvimento de pessoas
CONTATO
21 3509.1280
Categories Menu

O que o leitor espera de um texto técnico eficaz?

ATER-SE AO QUE É RELEVANTE E PERTINENTE

Hoje, a matéria-prima mais escassa chama-se tempo. Tudo é para ontem. Não temos tempo para ler quase nada do que chega a nossas mãos. Segundo pesquisa realizada pela Escola Superior de Propaganda e Marketing, em 2014, o gestor brasileiro gasta em média um terço do tempo despendido em suas atividades profissionais lendo, analisando, respondendo, encaminhando, arquivando ou apenas deletando textos. A mesma pesquisa ainda aponta o excesso de informação como uma das principais causas para a baixa qualidade do processo decisório nas empresas. Por isso, antes de redigir, pergunte-se se o leitor realmente precisa saber tudo que você pensa em escrever. Procure limitar dados, fatos e informações ao necessário para que ele possa compreender do que trata seu texto.

LER E COMPREENDER O TEXTO COM FACILIDADE

A rapidez na leitura e a facilidade de compreensão resultam da transparência, da clareza, da objetividade, do ordenamento adequado das informações, da coesão, da coerência; enfim, de vários procedimentos que precisam ser bem articulados para produzir legibilidade.

No entanto, de todas as ações e procedimentos adotados para facilitar a leitura e a compreensão do texto técnico, um deles merece destaque: a simplicidade. Trilhar o caminho da simplicidade sempre acaba gerando ótimos resultados. Ajudar o leitor a atravessar o vasto emaranhado de dados, fatos e informações que constitui o texto técnico dá um trabalho danado, pois exige esforço, dedicação e concentração por parte do redator. Sem falar no estudo, na pesquisa e no planejamento que antecedem a produção de qualquer texto. Além desse trabalhão todo, são ainda necessárias várias escrituras, reescrituras e revisões até se chegar ao ponto ideal. É todo esse trabalho braçal que vai gerar a possibilidade de o leitor ler com rapidez e entender com facilidade.

Lembre-se:

Um dos principais problemas de quem passa a dedicar-se mais intensamente à escrita é a inclinação a dizer da forma mais complicada. Talvez por ser a linguagem escrita mais artificial, menos espontânea que a linguagem falada, é comum que o redator iniciante seja levado a fazer rodeios, a falar difícil, a ser prolixo, como se a forma obscura e incompreensível da escrita fosse sinônimo de erudição e sabedoria. Nada mais falso. A escrita admirável é aquela que é reta naquilo que diz, sem volteios, sem labirintos. Dizer eficientemente é dizer de forma simples. Escreva indo diretamente ao ponto; se possível, como se conversasse com o leitor.

Manual de Padronização de Atos Oficiais Administrativos – TSE

ENCONTRAR NO TEXTO ORIENTAÇÕES COMPLETAS E PRECISAS

Independentemente de qual seja o objetivo traçado para a nota, o propósito final do redator é sempre levar o leitor à prática de uma determinada ação técnica, operacional ou administrativa. Por isso, cabe ao redator fornecer toda informação necessária para que o leitor pratique adequadamente a ação proposta no texto técnico.

RECEBER TEXTOS COM O MÁXIMO DE GRAMATICALIDADE

Você sabe a diferença entre escrever bem e escrever corretamente?

Escrever corretamente significa redigir textos que obedeçam rigorosamente às normas gramaticais em vigor.

Escrever bem significa redigir textos que procurem usar todos os recursos disponíveis para proporcionar o máximo de expressividade e de legibilidade.

Embora sejam dois conceitos bem distintos, não há como escrever bem sem escrever corretamente. A função primordial do texto técnico é proporcionar informações que – uma vez avaliadas, questionadas, criticadas, reformuladas e assimiladas – habilitem o leitor a tomar a decisão correta. Mas todo esse processo só vai ocorrer se o texto despertar credibilidade. Erros gramaticais comprometem muito a imagem do profissional que produziu o texto técnico e, por extensão, a credibilidade nas informações prestadas e nos pontos de vista expressos. Escrever corretamente, portanto, é requisito básico para que um texto atinja plenamente o objetivo de comunicar com eficácia.

 

Instrutor Carlos Alberto Motta

Consultor associado da LCM Treinamento Empresarial Ltda